Entrevista Especial: HEITOR DHALIA


Um dos mais extraordinários cineastas brasileiros, sem dúvida alguma

Heitor Dhalia
Recifense da gema e ex-aluno do Colégio Nóbrega, de Recife, HEITOR, que iniciou a carreira como redator publicitário, é dono de um currículo valoroso em comerciais de televisão e longas-metragens.

No cinema, deu o primeiro chute na bola com os curtas A Pantomima da Morte e Conceição. Seu primeiro longa foi As Três Marias; no entanto, como roteirista. Como diretor, estão, entre outros, os filmes Nina, À Deriva e Gone — este último, um suspense americano com atuação da atriz Amanda Seyfried. Gone (12 Horas em terras brasileiras) marcou a estreia de DHALIA, que o escreveu e dirigiu, em Hollywood.

Na televisão, após o sucesso de Serra Pelada, seu longa em formato de minissérie, ele esteve na direção de O Caçador, numa parceria com o célebre José Alvarenga.

Mas, agora, chega de informações por aqui, pois o cineasta conversa com a gente.    
 

IZAN SANT – Cinema para Heitor Dhalia: amor ou paixão?

HEITOR DHALIA Amor, porque já dura muito tempo. Mas diria que é um amor apaixonado porque a chama da paixão está sempre por ali.
 

IS – Ser do Recife, ir morar fora do Estado, fazer cinema nesse cenário competitivo que temos, depois ganhar os EUA. Foi muito difícil?

HD Fazer cinema é uma das coisas mais difíceis que existem. Não importa de onde você é ou onde você esteja. Sempre será um desafio.
 

IS – Você tem um supercurrículo em publicidade e uma filmografia invejável, como falei antes. Mas por qual (ou quais) dos seus trabalhos você mais tem simpatia?

HD Eu sou apaixonado pelo “À Deriva” e tenho um carinho especial pelo “O cheiro do Ralo”.
 

IS – Já concebeu Serra Pelada sabendo que o filme poderia virar minissérie, ou não?

HD Sim, nós já estávamos a conversar com a Globo quando filmamos o longa.
 

IS – Sobre 12 Horas (Gone). O que sentiu de diferente entre dirigir este longa nos EUA e dirigir aqui no Brasil?

HD É jogar fora de casa. É sempre mais difícil. E num sistema de indústria como aquele, que não é nada fácil.
 

IS – Voltando a falar em Brasil, como foi estar na direção de O caçador, essa produção de sucesso da Globo?

HD Foi uma experiência ótima. Adorei fazer TV, quero repetir. Adorei trabalhar com o Cauã e com toda a equipe da Globo.
 

IS – Muitas saudades do nosso Recife, a Veneza Brasileira?

HD Sim, o Recife está no coração. Eu sempre vou morar emocionalmente ali.
 

IS – Já tem planos de novos trabalhos? Conta à gente.

HD Sim, estou com alguns projetos em desenvolvimento. Uns 3 ou 4.
 

IS – Um bate-bola, vamos lá? Filme e diretor cinematográfico?

HD – “Os Sete Samurais” e Kubrick.
 

IS – Escritor preferido e melhor livro que já leu!

HD Dostoiévski e “Ilusões Perdidas”.
 

IS – Alguma telenovela o prendeu do começo ao fim?

HD As da minha infância.
 

IS – Um ator e uma atriz!

HDWagner Moura e Sophie Charlotte.
 

IS – Perfume!

HD Não uso.
 

IS – Uma saudade…

HD Do Recife.
 

IS – Uma paixão (aqui, já não vale o cinema).

HD Xadrez.
 

IS – A vida no Brasil é…?

HDBoa e bem divertida.
 

IS – Um sonho de consumo? Ou não tem mais?

HDNão sou muito consumista, na verdade. Quero comprar tranquilidade, mas isso não está à venda.
 

IS – Família!

HDGlória e Vera. Minha filha e minha mulher. Nada como chegar em casa e alguém de dois anos falar: “Papaizinho”.
 

IS – Um conselho aos jovens cineastas?

HDEstudem dramaturgia.
 

IS – Chegou a hora dela, nossa inevitável pergunta! Qual sua mensagem super do Bem a todos aqueles que o admiram pelo profissional que você é?

HDNão desistir nunca dos seus sonhos, por mais impossíveis que eles possam parecer.
Paranoid.
 

Fotos: Gentilmente permitidas por Heitor Dhalia               Curta nosso Face e indique aos amigos. Faça isso com este CLIQUE.

Izan Sant

Izan Sant

Um autor super do Bem.

Expresse-se...

Entrar

presente de artista

Bem-kete

Conta a sua comida predileta nas Festas Juninas.

Ver Resultados

Carregando ... Carregando ...

msg do mês

Msg do Mês - Duca Rachid

Aniversariantes

  • Adson Albuquerque (ator – Recife/PE)
  • Alessandro Vieira (ator e repórter – Goiânia/GO)
  • Alexia Dalsoquio (atriz – Itajaí/SC)
  • Allan Maxwell (coord. de Eventos – Recife)
  • Ana Rosa Arruda (pedagoga – Igarassu/PE)
  • Beto Moreno (cantor)
  • Caio Blat (ator)
  • Camila Pitanga (atriz)
  • Célia Lourette (chef de cozinha – Recife)
  • Celso Portiolli (apresentador de TV)
  • Charlene Santos (atriz – Recife)
  • Chico Buarque (cantor, compositor e escritor)
  • Cininha de Paula (atriz e diretora de TV)
  • David Péricles (ator – Igarassu)
  • Dira Paes (atriz)
  • Dudinha Azevedo (cantora/repórter – Itamaracá/PE)
  • Edey Costa (maquiador/cabeleireiro – Olinda)
  • Eliete Araújo (profa. e psicopedagoga – Olinda)
  • Elisângela Vasconcelos (enfermeira e atriz – Recife)
  • Erasmo Carlos (cantor e compositor)
  • Felipe E-p (prof. de Geografia – Lima/Peru)
  • Flávia Alessandra (atriz)
  • Giane Cândido (educadora – Igarassu)
  • Gilberto Gil (cantor e compositor)
  • Glicério Mariano Carcará (op. de CAM/Record – RJ)
  • Grazi Massafera (atriz)
  • Inael Honorato (PNS, cantor gospel, Itapissuma/PE)
  • Iraquitam Batista (chofer profissional – Paulista/PE)
  • Isabella Garcia (atriz)
  • Israel Alves (ator – São Paulo/SP)
  • Ivan Lins (cantor e compositor)
  • Jaimar Chedid (dira.: Comunic. e Marketing, Recife)
  • Jebson Moraes (hairdesigner – Paulista/PE)
  • Jota Ferreira (apresentador de TV – Recife)
  • Júnior Castanha (ator, cantor, fotógrafo – Recife)
  • Kadu Moliterno (ator)
  • Letícia Spiller (atriz)
  • Lidiane Rocha (técnica capilar – Recife)
  • Liége Cordeiro (profa. de Religião/Filosofia – Olinda)
  • Lúcio Mauro Filho (ator e comediante)
  • Luiza Possi (cantora)
  • Magali Silva (profa. de Matemática – Olinda)
  • Maria Bethânia (cantora)
  • Marina Fercondine (atriz – Recife)
  • Mércia Betânia Cadena (gestora adjunta – Olinda)
  • Nóscema Lisboa (profa. de História – Itapissuma)
  • Pri Lins (atriz – Ribeirão Claro/SP)
  • Raphael Targino (advogado e maquiador – Recife)
  • Reginaldo Faria (ator)
  • Renati Scheidt (funcionária pública – Curitiba/PR)
  • Roselane Rodrigues Pereira (educadora – Igarassu)
  • Ruan Costa (prof.: Yágizi Olinda – Candeias/PE)
  • Samuel Lira (ator – Olinda)
  • Sandra Annemberg (âncora de telejornal)
  • Serginho Groisman (apresentador de TV)
  • Seu Jorge (cantor e compositor)
  • Sidney Magal (cantor e ator)
  • Sônia Abrão (apresentadora de TV)
  • Sônia Braga (atriz)
  • Thelma Guedes (roteirista)
  • Tony Belloto (músico dos Titãs e escritor)
  • Wanderléa (cantora, A Ternurinha)
  • Washington Machado (estag. TRT-PE/ator – Recife)
  • Wilton Carvalho (nutric. e pesquisador – Fortaleza)
  • Zezé Motta (atriz e cantora)

Eventos

  • 10. No RIO DE JANEIRO: “Champagne e Confusão”, comédia com SYLVIA BANDEIRA e ótimo elenco – De sexta a domingo – 19:30 – até dia 10 de junho, Teatro Maison de France / Avenida Presidente Antônio Carlos, 58
  • 15. Em RECIFE: Marina Elali – 21h – R$ 100 – Manhattan Café Theatro / Rua Francisco Cunha, 881, Boa Viagem – Telefone: 3325-3372
  • 17. Em CARUARU: Wesley Safadão, Novinho da Paraíba e Tayrone – 21h – Gratuito – Pátio do Forró (entre outros cantores nos demais dias juninos)
  • 23. Em BEZERROS/PE: Almir Rouche – 18h – Festa da Serra Negra 2018 / Rodrigo Raposo, mais cedo: 16h (É imperdível!)

FOTO DE BEM

Foto de Bem - João Mesquita

Facebook

Entrevista

Arquivos

VÊ, GALERA – Clica