Jazz, ação & requinte


Teatro. Carlos Arruza.
“O musical é uma coletânea das melhores músicas da dupla que escreveu ‘Chicago’, ‘O Beijo da Mulher-Aranha’, ‘Cabaret’…”.

Declaração carinhosa de CARLOS ARRUZA, imerso em um novíssimo trabalho: Tudo é Jazz. A partir de 7 de outubro, às 21:00, no Espaço Promon, Sala São Luiz, em São Paulo. 
Espetáculo requintado, capaz de despertar — ou agigantar mais — o amor que exista dentro dos espectadores, como ele mesmo reforça mais adiante.


ENTREVISTA EXCLUSIVA.
 

IZAN SANT – Claro que nós, da mídia, já sabemos do que se trata, mas, em seu ponto de vista, qual a melhor definição para o musical?

CARLOS ARRUZA – Divertido e extremamente sensual. Sofisticado até a última nota.

 

IS – O “Executivo”, quem é ele, propriamente?

CA Como todos os outros personagens, ele tenta encontrar um sentido a cada nova relação que se estabelece. Sai de um casamento com a Diva (Simone Gutierrez) para se aliar à Socialite (Alessandra Vertamati) e, com ela, produz novos musicais na Broadway. Neste processo, acaba se envolvendo com uma garçonete (Livia Dabarian), mas a coisa não para por aí…

 

IS – Como se preparou para o personagem?

CA Aulas de canto. A música é muito difícil e não temos tempo para respirar…  O musical é todo cantado e somos apenas cinco atores em cena.

 

IS – Uma curiosidade dos ensaios, ou de um deles.

CA Foram apenas 22 dias para preparar tudo. Uma tarefa insana, mas deliciosa.

 

IS – O que dizer a respeito do elenco e dos diretores?

CA Estamos muito Unidos. Já citei as meninas, mas faltou falar do Leandro Luna, que acabou de receber o prêmio Bibi Ferreira de melhor ator. A direção é de Daniel Kostáz, que é um querido e excelente profissional. Vânia Pajares é a diretora musical de um rigor absoluto, e Thiago Jansen, nosso coreógrafo. A equipe é uma sorte.

 

IS – Há um momento mais marcante do seu personagem? Se sim, revela ao site.

CA Só tem momentos marcantes, do início ao fim.

 

IS – Do que gosta de fazer nas horas de folga?

CA Aqui em São Paulo é comer.

 

IS – Bate-Rebate! Melhor novela de todos os tempos?

CA Amo novela. Fico com todas dos anos 80. Se tiver que citar uma: “Roque Santeiro”.

 

IS – Ator e atriz?

CATambém difícil escolher assim. Amo Dira Paes e, dos meninos, vou citar o meu amigo Deo Garcez.
Teatro. O personagem "O Executivo".

 


IS – Um(a) novelista.

CA Gilberto Braga. Sempre!

 

IS – Celebridade, qual a sua?

CA Narcisa Tamborindegue.

 

IS – Cor?

CA Vermelha.

 

IS – Amor!

CA Música.

 

teatro. Tudo É Jazz.
IS – Paz?

CANatureza.

 

IS – O Brasil hoje?

CAEu acredito!!!

 

IS – A melhor e a pior invenção do mundo são…?

CA – A melhor: o professor. A pior: aquele macarrão instantâneo no copinho. (Risos gostosos.)

 

IS – Personagem que sempre quis viver, mas ainda não o fez?

CA – Qualquer um do Gilberto Braga.

 

IS – Destino turístico!

CA – Roma.

 

IS – Algum sonho de consumo?

CA Entrar na loja do Tom Ford sem limite no cartão de crédito.    

 

IS – Carlos Arruza por Carlos Arruza?

CA – Demorei, mas hoje consigo rir de tudo e para Tudo.

 

IS – O público não pode perder Tudo é Jazz porque…?

CA – Está apaixonante. De verdade. Arte de muito bom gosto e muita emoção.

 

 

INGRESSOS, na bilheteria do Espaço Promon e AQUI.
 

 

Fotos: Divulgação

 

O pensamento positivo da vez é

"Todo mundo é capaz de sentir os sofrimentos de um amigo.

Ver com agrado os seus êxitos exige uma natureza muito delicada." (Oscar Wilde)
 


Registre-se no site, faça login para poder comentar.

Não esqueça, também, de curtir nossa FANPAGE.

 

Izan Sant

Izan Sant

Um autor super do Bem.

Expresse-se...

Entrevista

VÊ, GALERA – Clica

msg do mês

Glória Valcácer - Msg do Mês de outrubro - 2018

VOCÊ AQUI

Camila Duarte - Foto de Bem de outubro - 2018

presente de artista

Aniversariantes

  • Adriana Calcanhotto (cantora)
  • Adrielly Henry (atriz – Recife/PE)
  • Alcina Nascimento (educadora – Igarassu/PE)
  • Ângelo Santoro (coreóg., superv./vendas – Recife)
  • César Santos (chef de cozinha – Olinda)
  • Cláudia Abreu (atriz)
  • Cléo Pires (atriz)
  • Cynthia Nunes (estudante – Recife)
  • Danilo Rojas (bailarino – Recife)
  • Dayse Figueiredo (empresária, Lulu Bijoux – RJ)
  • Eletana Targino (coord. da LFG – Alta Floresta/MT)
  • Fabinho Seven (prop. Infohouse – Recife)
  • Fagner (cantor)
  • Fellipe Maia (Cofundador Berlim Digital – Recife)
  • Fernanda Montenegro (atriz)
  • Fiuk (ator e cantor)
  • Flávio Leimig (modelo e ator – Recife)
  • Gabriela Castello Buarque (universitária – Recife)
  • Gil Ayres (universitário, UFPE – Recife)
  • Glória Menezes (atriz)
  • Ilka Nóbrega (bibliotecária – Igarassu)
  • Izabella Nóbrega (bibliotecária – Igarassu)
  • Josy Ventura (administradora, atriz – Recife)
  • Kayky Brito (ator)
  • Manuela Sena (administradora – Recife)
  • Marcella Muniz (atriz)
  • Marcello Picchi (ator)
  • Marisa Orth (atriz)
  • Miguel Falabella (ator)
  • Miguel Teixeira (produtor cultural – Recife)
  • Najla Rocha Leite (gestora adjunta – Olinda)
  • Nasaré Azevedo (profa.: Filosofia – Bezerros/PE)
  • Pascoal Filizola (ator e arte-educador – Recife)
  • Pelé (ex-jogador / Rei do Futebol)
  • Pitty (cantora)
  • Priscila Camargo (atriz e contadora de histórias)
  • Rafael Cabral (jornalista e sanitarista – Olinda)
  • Rodrigo Faro (ator, cantor e apresentador/TV)
  • Sérgio Xavier (emp. Grupo inovsi – Recife)
  • Sinho Mello (cantor/educador físico – Recife)
  • Tássio Rennalli (advogado – Recife)
  • Thais Caseli (oper.: Direirto/concurseira – Recife)
  • Tofalini (cantor/compositor – Cambé/PR)
  • Vicktor Lira (booker/modelo/ator – Banguecoque)

Eventos

  • 19. Em São Paulo/SP: Peça teatral “As Brasas”, adaptação de Duca Rachid e Julio Fisher, onde “mais do que amigos, os personagens são ‘irmãos’” – 21h – de 29/09 a 04/11 – com Herson Capri e Genézio de Barros – SESC Santana / Av. Luiz Dumont Villares, 579 – Santana
  • 20. Peça teatral “As Brasas”, adaptação de Duca Rachid e Julio Fisher, onde “mais do que amigos, os personagens são ‘irmãos’” – 21h – de 29/09 a 04/11 – com Herson Capri e Genézio de Barros – SESC Santana / Av. Luiz Dumont Villares, 579 – Santana
  • 21. Peça teatral “As Brasas”, adaptação de Duca Rachid e Julio Fisher, onde “mais do que amigos, os personagens são ‘irmãos’” – 18h – de 29/09 a 04/11 – com Herson Capri e Genézio de Barros – SESC Santana / Av. Luiz Dumont Villares, 579 – Santana
  • 27. Happy Holi Recife – 14h – R$ 55 (pista) / R$ 85 (backstage) à venda site e app Bilheteria Digital – Área externa Centro de Convenções de Pernambuco / Complexo Salgadinho, S/N

Recomendo

Entrar

Arquivos