Avenida, hotel e pontes do Recife

Por Wilton Carvalho

Avenida Boa Viagem e Hotel Boa Viagem. 

O bairro de Boa Viagem surgiu como abrigo e apoio aos viajantes que passavam por aquela localidade em direção ao sul do Estado.
Avenida e Hotel Boa Viagem.

Na década de 1920, veio a revolucionária obra da construção da avenida, que até então era chamada de Avenida Beira Mar, mas logo depois recebeu o nome de Avenida Boa Viagem. Por ela passavam bondes e, depois, o trem da Maxambomba. Casas de veraneio foram surgindo e o lugar pitoresco e calmo foi se tornando muito cobiçado. Até que surgiu um grande hotel de classe internacional na avenida. O ano era 1954, e o hotel foi chamado de Hotel Boa Viagem. Era o que faltava para a praia de Boa Viagem e o bairro de Boa Viagem se tornasse um dos locais mais cobiçados do Recife. Atualmente o hotel não existe mais, em seu lugar está um arranha-céu.
 

Vista aérea do Recife e suas pontes. 

De baixo para cima: a ponte da Boa Vista, a ponte Duarte Coelho e a ponte Princesa Isabel. Cada uma com sua história e sua importância.
Vista aérea do Recife e suas pontes.

A ponte da Boa Vista, inicialmente, surgiu um pouco mais pra direita, mais perto da Casa da Cultura. Era de Madeira e foi construída por Maurício de Nassau. Posteriormente foi substituída por uma de ferro e no seu lugar atual, em 1865. Por ela, passaram muitos bondes, carros e pedestres que atravessavam do bairro da Boa Vista para o de Santo Antônio.

A ponte Duarte Coelho está ali desde 1943, mas já existiu, no mesmo local, uma ponte de ferro por onde passava o trem da Maxambomba. A atual ponte Duarte Coelho teve grande importância nas mudanças da cidade e principalmente no fluxo do trânsito. A Avenida Conde da Boa Vista foi alargada e a Avenida Guararapes foi aberta e a ponte foi a peça fundamental para a ligação dessas importantes avenidas do Recife.

A ponte Princesa Isabel surgiu para facilitar o acesso aos prédios importantes do Recife, como o atual prédio da Assembleia Legislativa e o prédio da Faculdade de Direito, que estão no bairro da Boa Vista. Já do outro lado, em Santo Antônio, a Praça da República, com o Palácio da Justiça e o Palácio do Governo e, ainda, o Teatro Santa Isabel. A ponte foi muito importante para a facilitação do acesso entre os importante bairros.
 

. Textos de Wilton Carvalho, baseado nas fontes da Fundação Joaquim Nabuco 
. Wilton é administrador do Recife de Antigamente.

 

(Clique nas imagens para ampliá-las)               Não curtiu ainda o Facebook do Papo? CLICA!

Izan Sant

Izan Sant

Um autor super do Bem.

Expresse-se...

Entrevista

VÊ, GALERA – Clica

msg do mês

Glória Valcácer - Msg do Mês de outrubro - 2018

VOCÊ AQUI

Camila Duarte - Foto de Bem de outubro - 2018

presente de artista

Aniversariantes

  • Adriana Calcanhotto (cantora)
  • Adrielly Henry (atriz – Recife/PE)
  • Alcina Nascimento (educadora – Igarassu/PE)
  • Ângelo Santoro (coreóg., superv./vendas – Recife)
  • César Santos (chef de cozinha – Olinda)
  • Cláudia Abreu (atriz)
  • Cléo Pires (atriz)
  • Cynthia Nunes (estudante – Recife)
  • Danilo Rojas (bailarino – Recife)
  • Dayse Figueiredo (empresária, Lulu Bijoux – RJ)
  • Eletana Targino (coord. da LFG – Alta Floresta/MT)
  • Fabinho Seven (prop. Infohouse – Recife)
  • Fagner (cantor)
  • Fellipe Maia (Cofundador Berlim Digital – Recife)
  • Fernanda Montenegro (atriz)
  • Fiuk (ator e cantor)
  • Flávio Leimig (modelo e ator – Recife)
  • Gabriela Castello Buarque (universitária – Recife)
  • Gil Ayres (universitário, UFPE – Recife)
  • Glória Menezes (atriz)
  • Ilka Nóbrega (bibliotecária – Igarassu)
  • Izabella Nóbrega (bibliotecária – Igarassu)
  • Josy Ventura (administradora, atriz – Recife)
  • Kayky Brito (ator)
  • Manuela Sena (administradora – Recife)
  • Marcella Muniz (atriz)
  • Marcello Picchi (ator)
  • Marisa Orth (atriz)
  • Miguel Falabella (ator)
  • Miguel Teixeira (produtor cultural – Recife)
  • Najla Rocha Leite (gestora adjunta – Olinda)
  • Nasaré Azevedo (profa.: Filosofia – Bezerros/PE)
  • Pascoal Filizola (ator e arte-educador – Recife)
  • Pelé (ex-jogador / Rei do Futebol)
  • Pitty (cantora)
  • Priscila Camargo (atriz e contadora de histórias)
  • Rafael Cabral (jornalista e sanitarista – Olinda)
  • Rodrigo Faro (ator, cantor e apresentador/TV)
  • Sérgio Xavier (emp. Grupo inovsi – Recife)
  • Sinho Mello (cantor/educador físico – Recife)
  • Tássio Rennalli (advogado – Recife)
  • Thais Caseli (oper.: Direirto/concurseira – Recife)
  • Tofalini (cantor/compositor – Cambé/PR)
  • Vicktor Lira (booker/modelo/ator – Banguecoque)

Eventos

  • 19. Em São Paulo/SP: Peça teatral “As Brasas”, adaptação de Duca Rachid e Julio Fisher, onde “mais do que amigos, os personagens são ‘irmãos’” – 21h – de 29/09 a 04/11 – com Herson Capri e Genézio de Barros – SESC Santana / Av. Luiz Dumont Villares, 579 – Santana
  • 20. Peça teatral “As Brasas”, adaptação de Duca Rachid e Julio Fisher, onde “mais do que amigos, os personagens são ‘irmãos’” – 21h – de 29/09 a 04/11 – com Herson Capri e Genézio de Barros – SESC Santana / Av. Luiz Dumont Villares, 579 – Santana
  • 21. Peça teatral “As Brasas”, adaptação de Duca Rachid e Julio Fisher, onde “mais do que amigos, os personagens são ‘irmãos’” – 18h – de 29/09 a 04/11 – com Herson Capri e Genézio de Barros – SESC Santana / Av. Luiz Dumont Villares, 579 – Santana
  • 26. Peça teatral “As Brasas”, adaptação de Duca Rachid e Julio Fisher, onde “mais do que amigos, os personagens são ‘irmãos’” – 21h – de 29/09 a 04/11 – com Herson Capri e Genézio de Barros – SESC Santana / Av. Luiz Dumont Villares, 579 – Santana
  • 27. Em Recife/PE: Happy Holi – 14h – R$ 55 (pista) / R$ 85 (backstage) à venda site e app Bilheteria Digital – Área externa Centro de Convenções de Pernambuco / Complexo Salgadinho, S/N
  • 27. Em São Paulo/SP: Peça teatral “As Brasas”, adaptação de Duca Rachid e Julio Fisher, onde “mais do que amigos, os personagens são ‘irmãos’” – 21h – de 29/09 a 04/11 – com Herson Capri e Genézio de Barros – SESC Santana / Av. Luiz Dumont Villares, 579 – Santana

Recomendo

Entrar

Arquivos