Cookies

Por Silvana Argenta
(Administradora do Adoçando seu Dia)

 

Confira os INGREDIENTES abaixo
Culinária

- 1 xícara (chá) de aveia grossa;
- ½ xícara (chá) de leite;
- ½ xícara (chá) de farinha de trigo integral;
- ½ xícara (chá) de coco ralado;
- 2/3 xícara (chá) de açúcar mascavo;
- 2 colheres (sopa) de uva passa;
- 2 colheres (sopa) de linhaça;
- 2 colheres (sopa) de nata ou margarina;
- 1 colher (chá) de fermento em pó;
- 1 pitada de sal.
 

MODO DE PREPARO mais a seguir
Culinária.

. Em um recipiente acrescente os ingredientes secos, misture bem, após adicione os ingredientes líquidos e misture até formar uma massa homogênea.
. Molde os biscoitos com o auxílio de uma colher e coloque-os em uma forma untada e polvilhada.

Continue lendo

Flash: Festa e livros

Música, diversão e um papo legal sobre a importância dos books — em Banff, no Canadá. 
(Outro capítulo extraído de uma obra minha, para você!)
 

A festa principiou às 9 da manhã. Todos se enfiaram nas mais elegantes vestes de inverno, prevaleciam as cores preta, marrom, cinza e azul. Músicas internacionais das décadas de 70 e 80 brotavam do home theater. “Quero essas músicas, pois recordar é viver!”, falara Irene. Naquele momento, a faixa tocada do CD, embalando os corações, era Skyline pigeon, de Elton John.Livros.

Taças de coquetel nas mãos, pratos fartos às mesas, lareira acesa, clima gostoso. Flashes de fotógrafos espocavam, Leni Carmem e Irene queriam montar um grande painel com fotos variadas do evento — a despedida dos hóspedes brasileiros de sua pousada. Haveria um show-surpresa por volta do meio-dia, ansiosamente esperado.

Vindos do andar de cima, pisando o carpete estreante e vermelho do lobby, Daniela e Luiz Cláudio juntaram-se a Jebson, Laura Carvalho e Joaquim. As irmãs Ana Rosa e Ana Maria Arruda conversavam com Josilda, Antônia e Iralvânia. Mariana, chegando de seu aposento, usando um casaco água-marinha comprido, com pequenas gravuras abstratas em preto, dando-lhe uma maior silhueta curvilínea, juntou-se às outras atraindo olhares. Ali por perto, Geneci, Diana e Eurides optaram por um canto próximo à vidraça da janela, curtiam ver a neve cair. Lia e Luiza travaram amizade com uma experiente psicóloga e pedagoga de terras pernambucanas, de Olinda: Eliete Araújo, recente hóspede, cheia de formosura. Morena elétrica, mãe de inteligentíssimos garotos, João Victor e Lucas Vinícius, que ficaram no Brasil, Eliete discutia com as novas amigas sobre Paul Mauriat — venerava suas composições ao piano! Esmerada num sobretudo preto, com detalhes que pareciam minúsculos diamantes azuis, ao saber do show transbordou de animação. Quando as proprietárias da pousada foram passando por elas, a psicóloga, afagando os cabelos corredios e castanhos escuros, exclamou com sua voz empolgada, musical:

— Gente… não acredito! Vai ter um número de dança para nós?

— Antes do almoço — certificou Irene, orgulhosa de seu novo corte de cabelo, realizado por Jebson Moraes: um curto versátil, com as mechas de frente abaixo do queixo.

— Que tipo de número é? — perguntou Luiza.

— Contem, senão morreremos de curiosidade! — brincou Lia.

As sócias riram. Leni Carmem começou a responder, sacana:

— Se dissermos qual é a apresentação, acaba a surpresa; se vocês mor…

— Ah, tá! — interveio Eliete, bem-humorada, entendendo a gracinha. — E se nós morrermos, vocês ficarão tristes, aí não haverá apresentação, não é isso?

Sem graça, dando tchauzinho, as anfitriãs foram recepcionar as gêmeas Ilka e Izabella Nóbrega, que chegavam. Lia, Luiza e Eliete trocaram olhares divertidos; depois, toques de mãos, cúmplices.

Ilka e Izabella, jeitosas, de pele alva, olhos verdes e cabelos castanhos escuros, já bebericavam coquetel a um canto. Izabella, no segundo gole, encarou uma indagação cultural de Leni:

— Hoje, Iza, com o advento dos livros virtuais, qual a importância ainda, em sua opinião como educadora, de uma biblioteca pública?

Continue lendo

Flash: Beijos e beijos


Beijos e beijos.

Beijo desejo, beijo bombom, beijo festejo, 
beijo batom, beijo barato, beijo baleiro, 
beijo básico, beijo belo, beijo veleiro, 
beijo bolero, beijo bardo, beijo brejeiro, 
beijo bagaço, beijo beijoca, beijo goleiro, 
beijo babosa, beijo balbúrdia, beijo bombeiro.
 

(De Izan Sant exclusivamente para o Papo de Bem.)


Beijos e beijos, portugueses, brasileiros ou não, são abraços molhados, friends.

Continue lendo

“Máquina do Tempo”: Praça e Cruz do Recife

Por Wilton Carvalho
 

A PRAÇA DA INDEPENDÊNCIA já teve diversos nomes, como Terreiro dos Coqueiros, Praça do Polé, Praça da União e, finalmente, em 1833, recebeu o nome atual.
A Praça da Independência.

Ela também é conhecida popularmente como Pracinha do Diario, pelo fato de que o jornal Diario de Pernambuco se estabelecia naquele local em seu edifício imponente e devido à grande importância do Diario no Recife desde o século XIX.

A praça também sofreu várias mudanças físicas e não era exatamente como é hoje. Até o início do século XX, ela só ocupava um pequeno espaço nas proximidades da Rua Primeiro de Março e da Duque de Caxias, pois havia um quarteirão de sobrados mais próximo da Igreja Matriz de Santo Antônio e da Rua Nova; este foi destruído para ampliação do bairro de Santo Antônio. (Foto: Coleção de Postais do Recife)
 

A CRUZ DO PATRÃO (da foto a seguir) encontra-se na zona norte do Porto do Recife, logo após o Forte do Brum.

Continue lendo

Brigadeiro de cacau com bombom

Por Silvana Argenta
 

INGREDIENTES:

1 lata de leite condensado - 2 colheres (sopa) de margarina - 3 colheres (sopa) de cacau em pó - 1 caixinha de creme de leite - 12 bombons Sonho de Valsa ou de sua preferência - 1 caixinha de chantilly (200 ml).
Chocolate? É seu, no formato de brigadeiro, faça a festa!


MODO DE PREPARO:

1 -  Brigadeiro: Coloque em um refratário adequado para levar ao micro-ondas (o refratário deve ser de borda alta) o leite condensado, o cacau em pó e a margarina; leve ao micro-ondas em potência alta por 5 a 6 minutos, mexendo na metade do tempo. Retire do micro e mexa bem. Espere ficar morno e acrescente a caixinha do creme de leite, misture bem e coloque em taças individuais.

2 -  Acrescente os bombons picados e, por cima, coloque o chantilly.

3 - ChantillyAntes da caixinha ser usada, deve ficar na geladeira por 12 horas ou no congelador por 40 minutos. Após, bata na batedeira em velocidade média até ficar uma consistência firme.

A seguir

Continue lendo

O ser humano & o amor

De Izan Sant, exclusivo para este site,
inspirado em títulos de canções do Rei Roberto Carlos.
 

Olha, quando o amor perfeito não bate à nossa porta, resta o amor imperfeito. Ou… tanta solidão.

No estado solitário, cama e mesa tomam conta da rotina dos seres frágeis; por sua vez, a paz da espera pela felicidade, a partir desse instante, invade o coração dos fortes.

Amando, as flores do jardim da nossa casa (as emoções do peito) nos levam a aventuras tão gigantes quanto as baleias; a atitudes tomadas com muito amor e carinho; a uma alegria saudavelmente agitada como as ondas do mar.

Amando, de coração pra coração, e não da boca pra fora, é deixar de ser fera ferida para ser super-herói, ganhando, assim, qualquer jogo de damas.
Roberto Carlos. Texto com títulos de letras suas.

Amando, a lua nova da Luz Divina cai, como uma música suave, sobre a existência do homem bom, da mulher pequena, do moço velho, da atriz, do careta, da mulher de 40, do caminhoneiro, da sereia, do velho homem do mar… dos velhinhos. Porque o amor é mais, o amor é demais, o amor é a moda!

O gosto de tudo, eternamente, são as recordações de um amor sem limites. Dos instantes de ternura.

Em qualquer lugar do mundo, Rio de Janeiro, Paris, Milão, Coimbra ou outros, é preciso saber viver essa doce loucura de amar sem dar vez aos tropeços do caminho, nem às contradições que possam surgir. O cadillac da nossa vida quem conduz é cada um de nós.

Que cada ser humano saiba agradecer a Jesus Cristo pela vida, pelo amor… e viva na paz do seu sorriso
 

Saindo dos títulos poéticos de Roberto, se você ama alguém e ainda não se declarou, muna-se de coragem e diga ao seu grande love:

Eu te amo!

Continue lendo

Flash Especial: A generosidade, um bebê


Existe uma coisa que se perde — cada dia mais — no nosso cotidiano: ela, sim, a do título acima, a generosidade.

Eu sei que, pra muitos, praticá-la pode até parecer careta no mundo atual, que preza absurdamente pelo ego. Um mundo que fala de temas por demais dolorosos de forma tão Generosidade.fácil, quando deveria falar mais de amor. Mas essa é uma questão em que não vou me aprofundar.

Meu lema, hoje, é generosidade. Algo que nos faz mover pra frente e nos leva a chegar um pouco mais perto de Deus. Se as pessoas não veem, Ele vê (e recompensa!) a quem atua com tal sentimento. Não é preciso alardear pra ninguém, pois atos generosos devem ser espontâneos e nada de notícia. Não é verdade? Se vira manchete, não é o legítimo ato.

Agir com generosidade não se resume simplesmente em dar um PEDAÇO DE PÃO a quem tem fome. Não!

Significa muito mais: sorrir na hora certa para o próximo, abraçar o outro com o desejo de realmente lhe fazer bem e diminuir sua solidão, doar-se ao Bem sem limites, compartilhar o pão, levar donativos (com o coração e aqueles que pudermos) aos menos favorecidos pela sorte… Muitos o fazem se doando aos asilos, aos orfanatos, ao querido LAR DO NENÉM, que você precisa conhecer… Outros, aos seus parentes menos afortunados. O que também tem plena validade.

Todos tão carentes, tão necessitados de nós!

Ser generoso é ser bom sem ser bobo. É ficar bem depois de se doar. É ser feliz.

Doe-se um pouquinho a cada dia. Você vai se sentir muito melhor.
 

Há um divino Provérbio Chinês que diz:

Continue lendo

O Acaiaca – de Recife – e mais…

Por Wilton Carvalho

Edifício Acaiaca.

EDIFÍCIO ACAIACA, o palco de badalação e encontro da chamada "Juventude Dourada", entre os anos de 1950 e 1960.

 

Prédio do Diário de Pernambuco.

PRÉDIO DO DIARIO DE PERNAMBUCO. Imponente no passado, o prédio localizado na Praça da Independência abrigou a sede do jornal Diario de Pernambuco. Foi tão importante e marcante para o povo recifense, que a Praça ficou conhecida também como a Pracinha do Diario. Hoje, precisa de ajuda; mais um prédio sofrendo devido ao abandono e ao descaso.

 

Cartão postal - Av. Guararapes e Ponte Duarte Coelho.

PONTE DUARTE COELHO. O passeio, que antes era mais frequente na Rua Nova e na Ponte da Boa Vista, agora se volta para a Avenida Guararapes e a Ponte Duarte Coelho na década de 1950.

Continue lendo

Culinária: Danoninho


Por: Silvana Argenta

INGREDIENTES:
1 caixinha de creme de leite; 1 lata de leite condensado; 1 lata de leite (mesma medida do leite condensado); 1 envelope de suco Tang sabor morango.
Vai um danoninho caseiro? É saudável!

 

MODO DE PREPARO:

Continue lendo

Da Cidade ao Engenho e ao Jardim


Ana Carla Andrade, mais uma vez, retorna ao site nos presenteando com suas deslumbrantes fotos, desbravadoras do nosso Brasil, que, apesar dos muitos problemas existentes hoje em dia, graças aos Céus não perdeu os encantos naturais. Ao menos, ganhamos com isso; portanto, vamos à
 

Galeria CidAtrativos 3

 

Do grande Carlos Drummond de Andrade:
"Se procurar bem você acaba encontrando.
Não a explicação (duvidosa) da vida,
Mas a poesia (inexplicável) da vida".

Vicência. Mais um pouco de sua beleza.

Vicência/PE — Engenho Jundiá
 

"Recife tem encantos mil”!
(Como disse o rei Reginaldo Rossi em sua música)

Recife. Em cores mil.


Recife. Bela mesmo em preto e branco.

 

E mais Recife pra você

Continue lendo

Entrar

presente de artista

Bem-kete

A celebridade que você mais admira é...?

Ver Resultados

Carregando ... Carregando ...

msg do mês

Msg do Mês - Setembro - 2018

Aniversariantes

  • Alex Marssylonne – Leco (segurança – Recife/PE)
  • Alexandre Sampaio (ator/produtor cultural – Recife)
  • Alexandre Teixeira (roteirista)
  • Ana Carolina (cantora)
  • Ana Farache (da Farache Comunicação – Recife)
  • Bianca Bin (atriz)
  • Bruna Fittipaldi (atriz e jornalista – Recife)
  • Carlinhos Duarte (ator e modelo – Recife)
  • Charlie Sheen (ator, dublador, roteirista, produtor)
  • Christiane Mattos (atriz, dançarina – Rio de Janeiro)
  • Cinthia de Oliveira (atriz e fisioterapeuta – Recife)
  • Cléo Farias (emp./Detox Flow – EUA)
  • Daniel (cantor)
  • Diogo Lôpo G. Ogando (Letras e Direito, Salvador)
  • Edi Cordeiro de Sá Leitão (advogado – Recife)
  • Edilza Santos (artesã – Olinda/PE)
  • Eduardo Godoy (ator – Recife)
  • Érica Seiça (assist. tecn. administrativo – Portugal)
  • Eurides Nóbrega (secretária executiva – Igarassu)
  • Fátima Bernardes (jornalista e apresentadora-TV)
  • Genilse Ma. Cândido Gonçalves (bióloga- Igarassu)
  • Genivalda Lopes (Enfermagem – Itapissuma/PE)
  • Gessika Helena (da Gessika Nails – Itapissuma)
  • Glória Perez (novelista)
  • Gugga Siqueira (ator – Rio de Janeiro)
  • Jackeline Villarim (atriz/psicóloga clínica – Londres)
  • Jairo Oliveira (gestor – Vitória/ES)
  • Joaquim Diniz Neto (supervisor/Correios – Recife)
  • Jorge Tavares Ferreira Júnior (Record – RJ)
  • Leandra Leal (atriz)
  • Lucas Augusto (ator, soldado – Vitória de Sto Antão)
  • Luciano Huck (apresentador de TV)
  • Luiz Eugênio (administrador – Recife)
  • Malu Mader (atriz)
  • Marcello Trigo (ator, locutor, dublador – Recife)
  • Marcelo Henrique Andrade (jorn./repórter – RJ)
  • Marcos Frota (ator e artista circense)
  • Marina Amorim (arquiteta, modelo, atriz – Recife)
  • Marisa Galvão (profa. de Português – Olinda)
  • Marise Dias (empresa Goianá – Goianá/MG)
  • Marquinhos Moura, o Kzu Bala (Mc-compositor)
  • Max Fercondini (ator)
  • May Aquino (atriz/Relações Públicas – Estugarda)
  • Miriã Oliveira (concluinte/Ensino Médio – Paulista)
  • Neto Nunes (ator – Recife)
  • Nonato Seabra (aux.-cabeleireiro – Manaus/AM)
  • Patrícia França (atriz e cantora)
  • Renata Iris (engenheira civil – Olinda)
  • Ruanita Barbosa (atriz e corretora – Recife)
  • Severina Bandeira (educ. aposentada – Palmas/TO)
  • Soira Celestino (escritora – São Paulo)
  • Suely Nunes (educadora – Paulista)
  • Thaisi Melo (coreógrafa – Recife)
  • Thaymara Rafaellen (produtora/TV-cinema, PB)
  • Thayná França (atriz/universitária – Arcoverde/PE)
  • Tyago Lucas Lima (ator e recreador – Recife)
  • Victor Kreutz (cantor e compositor – SP)
  • Xande Valois (ator)
  • Xororó (cantor)

Eventos

  • 01. Em RECIFE: “Palco Brasil” com FERNANDA TAKAI – 17h e 20h – R$ 30 e R$ 15 (meia) – Caixa Cultural Recife / Av. Alfredo Lisboa, 505, Praça do Marco Zero, Bairro do Recife
  • 07. Em SERRA TALHADA/PE: o cantor ALMIR ROUCHE no Encontro Pernambucano de Forró – 22h – Praça Sérgio Magalhães
  • 14. Em OLINDA/PE: Bandas BIQUÍNI CAVADÃO e CAPITAL INICIAL – 21h – Pista: R$ 100 e R$ 50 (meia), Mesa Premium: R$ 300, Mesa VIP: R$ 200, Frontstage: R$ 200 e R$ 100 (meia) – Classic Hall / Av. Gov Agamenon Magalhães, s/n
  • 21. CHITÃOZINHO & XORORÓ, BRUNO & MARRONE: 21h, R$ 140; R$ 70 (meia) Classic Hall
  • 29. Show Valencianas, com ALCEU VALENÇA – 21h – Plateia: R$ 180 (inteira) e R$ 90 (meia) e Balcão: R$ 160 (inteira) e R$ 80 (meia); Vendas: Bilheteria do teatro (segunda a sábado, 9h às 17h), lojas Ticketfolia e www.eventim.com.br – Teatro Guararapes / Av. Prof. Andrade Bezerra, S/N – Salgadinho – Telefone: 3182.8020

FOTO DE BEM

Mariana Belmont - Foto de Bem de setembro

Facebook

Entrevista

Arquivos

VÊ, GALERA – Clica