cultura

Teatro: “Champagne & Confusão”…


Uma Comédia Impoliticamente Correta” traz de volta aos palcos a estrela SYLVIA BANDEIRA e um extraordinário elenco.

Tendo sido um sucesso total na França, esta adaptação da comédia francesa “Panique au Ministère”, de Jean Franco e Guillaume Mélanie, no Rio de Janeiro dirigida por FERNANDO PHIBERT, é inédita aqui no Brasil. A adaptação é de JACQUELINE LAURENCE.

Sylvia vive a seguinte personagem

Champagne & Confusão. Sylvia Bandeira


Qual a história deste superespetáculo que é um brinde à alegria e ao humor?

Bom, o Ministro Luis (JOELSON MEDEIROS), no gabinete de um Ministério da Educação, é levado a aprovar um padrão para o tamanho dos uniformes das alunas do país. Devido a esta estranha obrigação, ele se encontra estabanado em suas confusões amorosas com Sara (THAIS BELCHIOR), com a qual mantém um sigiloso caso.

Elenco de Champagne & Confusão.

Elenco em momentos de cenas
Fotos: Reprodução da Fan page


Sara é filha da sua chefe de gabinete, a rígida Gabriela (ERIKA RIBA). Esta se apaixona por um garotão bonito, sensual e auxiliar de serviços gerais no mesmo local de trabalho dela. Ele é Erik (RAFAEL CANEDO).

Nisso, a mãe de Gabriela, Cecília (SYLVIA BANDEIRA), libertária, ex-atriz e um pouco desvairada, cujos tempos no palco foram gloriosos, deseja retornar ao showbizz!

Champagne & Confusão. Sylvia e Rafael Canedo.Sylvia e Rafael Canedo
Foto: Lu Valiatti
 

Cecília, diariamente, faz uma visitinha a Gabriela no gabinete, aproveitando para ensaiar o seu novo show que quer estrear em um bar gay.

Champagne - Sylvia Bandeira - Foto de Chico Lima
Sylvia em uma de suas memoráveis cenas
Foto: Chico Lima

 

- Saiba os horários e valores:

Sexta, às 19:30 – R$ 70,00 (Valor inteira)
Sábado, às 19:30 – R$ 70,00 (Inteira)
Domingo, às 19:30 – R$ 70,00 (Inteira)

A TEMPORADA: De 23-03-2018 a 10-06-2018.
 

Os ingressos estão à venda clicando AQUI.

Teatro. Champagne & Confusão.

Portanto, friend, vai um superrecado pra você

Continue lendo

Um cantor de garra


Tofalini. Quem tem beleza e talento deve mostrar.
Porque garra é o que não falta ao TOFALINI, apreciador dos notáveis profissionais da música Gusttavo Lima e Rafael Vannucci.

Este cantor, compositor e modelo é dono de criações musicais espetaculares, uma delas é Surreal – que você vai ouvir ao final desta matéria.

Fora a parte artística, Tofalini nos revela sobre sua vida pessoal: “Amo pescar, ir ao cinema e tomar tereré” (bebida típica sul-americana feita com a infusão da erva-mate em água fria; de origem guarani, pode ser consumida com limão, hortelã, entre outros).  “Frequento a igreja e prezo muito as leis de Deus e a gratidão. Nasci na cidade de Cambé, no Paraná, e aqui permaneço até hoje, aos 23 anos. Minha Cambé é superagradável, tranquila, onde tenho orgulho de estar e de levar o nome a todo o país, devido a tantas coisas boas que vivi e vivo aqui!”.

Pois é, agora vem com a gente nesta

 

ENTREVISTA EXCLUSIVA.
 

IZAN SANT – O desejo de ter se tornado cantor veio de onde? E o compositor estava no mesmo pacote ou veio depois?

TOFALINI O desejo de me tornar cantor profissional surgiu após um trabalho escolar e, através dele, veio o pacote completo, com uma composição; a primeira, chamada “Não Posso Mais". Mas, desde criança, sempre fui fascinado por música e por toda a parte artística, isso já veio comigo de berço. (Risos gostosos.)
 

IS – Você se espelhou em algum artista famoso?

T Sim, no saudoso Cristiano Araújo.
 

IS – Como classifica, mesmo, seu estilo musical?

T Sertanejo/Pop Romântico.
Tofalini. Um cantor romântico.


IS – Tem o sonho de dividir o palco com algum ídolo da nossa música? Por quê?

T Claro… Gusttavo Lima, pois, hoje em dia, é um dos maiores e melhores cantores do Brasil.
Alexandre Tofalini. Cantor, compositor e modelo.


IS – Entre suas canções, a favorita é…?

TNão tenho apenas uma, são várias. (Risos.)
Elegância máscula. Sempre.


IS – Cantar o amor representa…?

TDeus e todas as coisas boas deste mundo.
Natureza. Compondo em meio a ela.


IS – Sobre a vida de modelo, qual o sabor?

T O de prazer, com uma doçura de mel. (Risos.)
Modelo. Sensualidade totalmente na pele.


IS – Uma mensagem súper do Bem aos fãs do Tofalini, vamos lá?

T Se você tem um sonho, pode ter a certeza de que ele nunca será impossível.

(De fato. Tudo dependendo do seu Querer, friend.)
 

FIQUE, ENFIM, COM UM TRECHO DA MÚSICA "SURREAL".

 

Fotos: Arquivo Pessoal do artista

 

Conheça mais sobre o cantor clicando

Continue lendo

Intenso artista das letras


Juan Lima.
Ao perguntar a ele desde quando e de onde partiu a sua paixão por escrever, o poeta e publicitário recifense JUAN LIMA me respondeu com um desejo singular: A paixão pela escrita começou cedo, aos 16 anos eu já arriscava versos nos cadernos de colégio. Desde os 14 anos de idade eu me enveredei na música, tocando bateria em bandas de rock pelos bares de Recife; pouco tempo depois, sentindo a necessidade de criar minhas músicas, passei a escrever letras para canções”.

Logo em seguida lhe vieram à mente poemas inspirados em Vinícius de Moraes, o qual o influenciou bastante.

Juan — que, além de baterista como já sabemos, ainda é compositor — escreveu o livro Rosas, Musas e Poemas. Vinte Anos de Poesias.
 

ENTREVISTA ESPECIAL.
 

IS – Como surgiu, exatamente, a ideia deste seu tão interessante livro?

JL A vida toda eu sempre criei poemas, alguns eu entregava às mulheres que pediam (vários perdidos por aí), muitos eu mostrava ao meu pai, que insistia que eu deveria juntar todos e lançar um livro. Eu relutei muito a fazer, nunca tive em mente mostrar meus anseios, paranoias e paixões secretas (ou não) às pessoas do meu círculo. Passados vinte anos de escrita, juntei todos que tinha guardado e fiz o livro.
 

IS – Tudo é, mesmo, “extremo, definitivo, terminal” dentro de sua visão de mundo?

JL Existem duas personalidades que transitam dentro de mim: uma polida e social, que é a saída encontrada para sobreviver num mundo tão distante do que eu imagino. Outra é terminal, insensata, ansiosa, extrema, até o último suspiro. Esta última, sou eu.
 

IS – É supercativante o Projeto Formas em Poesias, paralelo ao seu livro, em parceria com Josy Ventura, intérprete da extrovertida Malu na série teen Vem Namorar Comigo, que estreia brevemente. Por que a atriz para recitar seus intensos poemas?

JL Josy é uma querida amiga, uma jovem com a arte entranhada na alma assim como eu. Vivemos buscando um lugar ao sol no mercado, mercado este que valoriza muito mais o ter do que o ser, a gratuidade do sexo e as mensagens sem conteúdos são mais fáceis de digerir.
Josy Ventura. Pronta para recitar um dos poemas de Juan.


IS – Tem um amor especial por um dos textos de Rosas, Musas e Poemas?

JL – Sim, o poema interpretado pela atriz Josy Ventura, chamado: “Se for para morrer”.

(Você assistirá ao vídeo deste poema no final da entrevista.)
Literatura. O livro Rosas, Musas e Poemas.


IS – Eu, particularmente, acho Se for para morrer muito bem construído em sua densidade. Bom, mas segue uma saia justa: qual o maior poeta/ou poetisa brasileiro (a)?

JL Complicado apontar um como maior, o Brasil, ao longo dos tempos, conheceu diversos poetas extraordinários, poderia citar aqui, por exemplo: Carlos Drummond de Andrade e Clarice Lispector, dois gigantes. Mas, o meu preferido é Vinícius de Moraes, sua relação com a música me fez mais próximo dele.
Juan Lima. Em estúdio com a atriz Josy Ventura.


IS – Acha que o livro eletrônico ameaça o impresso?

JL Não. Quem absorve este tipo de leitura, arte, faz questão do livro em mãos. Mas, o livro eletrônico ajuda bastante a divulgação do trabalho.


IS – Bate-bola! Melhor romance que já leu?

JL “Memórias Póstumas de Brás Cubas”.
O poeta Juan Lima.


IS – Frase máxima marcante em sua vida?

JL “Não há mal pior que a descrença, mesmo o amor que não compensa, é melhor que a solidão.” – Vinícius de Moraes.
Música. Juan inspirado.


IS – Filme espetacular! Algum que recomende?

JL O voo.
 

Juan Lima. Violão, paixão.
IS – Acho que já sei, mas vou perguntar mesmo assim: melhor escritor (a) universal? 

JL Vinícius de Moraes.
 

IS – Amor, com uma palavra?

JL Insensatez.
 

IS – Família, também com uma!

JL Alicerce.
 

IS – Algum outro projeto literário futuro?

JL Já comecei a escrever um outro livro de poemas; este, pensado e com poemas com teor político e social.
 

IS – Uma mensagem súper do Bem a cada admirador seu e a cada leitor do Papo!

JL – Viva a vida como se ela amanhã não existisse, faça tudo que pode hoje, mas só faça o bem. A linha que divide a loucura e a sensatez é muito tênue, não se permita bloquear por estruturas sociais impostas por séculos em nossa sociedade. Busque sempre seus sonhos, procurando os espaços ainda não descobertos, faça de seu caminho uma história que possa ser contada num futuro próximo aos seus entes queridos, nenhuma maldade vale a pena para se alcançar seus objetivos. Obrigado pelo carinho.

 

COM VOCÊS, AGORA,
 

Josy Ventura recitando Se for para morrer

 

Visite o site de Juan Lima, conheça mais sobre
o livro e garanta o seu. Dê um clique aqui:

Continue lendo

De Dalva ao musical “Cauby! Cauby!”

Sylvia Massari.
Esta é a nova trajetória da atriz e cantora de musicais SYLVIA MASSARI, a juíza Branca Moreira de Totalmente Demais, sucesso global. Recentemente, na TV Globo, Sylvia tem feito uma novela após a outra: viveu a Helô de Sete Vidas, a Irmã Regina em Malhação 2013, a Ângela de A Vida da Gente, a Sílvia Aquino em Morde e Assopra, a Sarah de Caras & Bocas — estas duas tramas do Walcyr Carrasco.

Sylvia é assim, não para, pois ainda arranja tempo para o cinema e uma outra das suas paixões: o teatro. Aqui, este é o assunto que agiganta mais e mais a também intérprete de Madame Elenir, na saudosa novela do João Emanuel Carneiro, Cobras & Lagartos.
 

EXCLUSIVA ENTREVISTA.
 

IZAN SANT – Abrindo esta nossa primeira entrevista do ano, iremos falar sobre a maravilha de ver você no musical Eu Não Posso Lembrar Que Te Amei. Qual foi a sensação de viver novamente Dalva de Oliveira?

SYLVIA MASSARI É, tenho vivido Dalva há anos! Fui protagonista de "A ESTRELA DALVA", o musical produzido por Roberto Talma e dirigido por Jorge Fernando, em São Paulo, em 1988. Aqui no Rio, Marília Pêra foi Dalva. Assim, é tranquilo revivê-la. Ela vem muito fácil… Mas é sempre muito emocionante!
 

IS – Ainda haverá mais alguma apresentação de sua Dalva e do Herivelto do Tadeu Aguiar pra gente? 

SM – Estamos tentando um patrocínio que viabilize viagens. Nossa intenção é começarmos por São Paulo. 

 

IS – A Dalva com apenas um adjetivo. E o Herivelto?

SM – Dalva: EMOCIONANTE. Herivelto: ARREBATADOR.

 

IS – Como é contracenar com o nosso querido ator e diretor Tadeu (Aguiar)?

SM – Tadeu é um irmão de alma! Nos conhecemos há mais de trinta anos e nunca nos separamos. Ambos patinamos em Ribeirão Preto, no mesmo show de patinação artística, em épocas diferentes. Somos unidos, no palco e na vida.
A atriz Sylvia Massari.

IS – O momento mais marcante desse musical em parceria com o Tadeu foi…?

SM – Em Ribeirão Preto, no Teatro Pedro ll, numa plateia lotada!
 

IS – Agora veio um outro trabalho, e sobre o mito Cauby Peixoto. Conta um pouco dessa novidade para os leitores do Papo de Bem e os seus fãs, Sylvia.

SM - É uma roupagem nova do mesmo musical que fizemos anos atrás. Agora, com a morte de Cauby, eu faço a narradora da história, no papel da secretária, que o acompanhou durante 15 anos. É um espetáculo muito lindo e emocionante e esperamos que faça o mesmo sucesso de antes, quando tivemos lotações esgotadas em todas as apresentações. 
 

Sylvia Massari.
IS – Sua nova personagem é o que esperava que fosse? Ou a surpreendeu por alguma razão?

SM – É diferente! Pela primeira vez não canto em um musical!
 

IS – Classifique a energia desse novo elenco.

SM – Nora 1.000. Talentosos, dedicados e unidos. 
 

IS – Qual a expectativa-mor da Sylvia Massari com relação à recepção do público sobre esse musical de agora?

SM – Não tenho dúvidas de que será um novo sucesso na vida do Diogo e de todo o elenco. Agora, com a morte de Cauby, a emoção será maior!
 

IS – Previsão de estreia?

SM – Dia 10 de janeiro para o público, num grande Ensaio Geral!
 

IS – Uma nova mensagem súper do Bem a todos que nos leem!

SM – Feliz 2018!!!!!! Desejo a todos um ano de Paz, Amor, Recuperação de todos os prejuízos do ano que passou! Saúde!!!!


"Cauby! Cauby! Uma Lembrança" fica em cartaz no Imperator de 16 de março a 1o. de abril, com apresentações às 16h nas sextas, 20h nos sábados e 19h nos domingos. Os ingressos custam R$ 70,00 = inteira.
 

Entrevista com a Sylvia no musical Ou Tudo Ou Nada?

(Re)veja clicando AQUI.

Sylvia, sobre a defesa dos animais?

Continue lendo

Almir Rouche no Ser Tão


Imperdível o show, nesse dia 30 de dezembro, com este artista pernambucano show de bola.

Internacionalmente conhecido, principalmente por sua presença sempre marcante no maior bloco carnavalesco (recifense) do mundo, o Galo da Madrugada, ALMIR ROUCHE (cujo livro "O enigma Rouche" saiu totalmente reformulado neste final de ano, em comemoração ao aniversário de carreira do cantor) vai esquentar Serra Talhada com muita música, alegria e energia do Bem. Não perca, friend, olha o recadinho aí, em banner da Divulgação…

Almir Rouche.

Um amante dos bailes, são palavras de Almir, que, junto com os Caboclinhos Carajós, foi reverenciado pelo Carnaval do Recife neste ano:

"Cantei em bares, na banda Status, em outra banda, a Diplomata, e me apresentei, com ela, nos bailes, minha grande escola. Só mais adiante, eu me dediquei à técnica vocal, à leitura de notas musicais, o que me valeu a atribuição da carteira da Ordem dos Músicos."

E ó

Continue lendo

Com a arte nas veias


Christiane Mattos e Xande Valois.
Superligados ao universo do teatro, do cinema e da televisão, eles formam uma dupla perfeita no fazer arte, pois a têm no sangue.

Mãe e filho, como todos sabemos, CHRISTIANE MATTOS e XANDE VALOIS abrem o mês de fevereiro trazendo pra nós as novidades na carreira, além de gostosas palavras sobre a vitória do ator na Dancinha dos Famosos.

Vamos embarcar nesta
 

ESPECIAL ENTREVISTA?


IZAN SANT – Christiane, conta à gente como ocorreu o processo para a participação do Xande na Dancinha dos Famosos.

CHRISTIANE MATTOSO Xande foi chamado pra fazer a Dancinha já na outra edição, a de 2015, mas como ele estava em cartaz no musical “Ou Tudo ou Nada” e ele não tinha standing, ele não teve como ensaiar e participar. No final de 2016, foi chamado novamente, então pôde fazer e foi maravilhoso. Foi uma experiência muito legal pra ele e, principalmente, pra mim também.
 

IS – Qual o estilo de dança mais complicado que você encarou para aprender, Xande?

XANDE VALOISO ritmo que eu tive mais dificuldade de aprender foi a valsa, porque eu nunca tinha encarado, não tinha dançado, eu não tinha a menor ideia de como eram os passos, então foi o ritmo mais difícil.
 

IS – Cada domingo era uma nova batalha do Xande na Dancinha. E o coração, Christiane, reagia de formas diferentes?

CMSim, a cada domingo era uma emoção diferente, porque o que eu mais admirava nas apresentações do Xande é que, além de ele ter jeito pra dança, além de ele dançar, fazer os passos, os movimentos assim, firmes, ele interpretava. A cada domingo era um personagem diferente que ele levava pro palco.
Xande Valois. Dancinha dos Famosos.


IS – Uma curiosidade dos bastidores, pode-se falar?

CM – Um dia eu tava assistindo ao ensaio pelo vidro, porque é tipo a casa do Big Brother a casa de ensaios;  é a mesma casa onde os adultos também ensaiam pra Dança dos Famosos. E eles ensaiam em salas espelhadas, com as câmeras que ficam por trás, filmando os ensaios. Daí, um dia, foi permitido que os responsáveis ficassem nessa parte que eles não veem, quem está dentro da sala não vê; é espelhado, tipo o Big Brother mesmo. Os responsáveis puderam ir ver, cada um, os seus filhos ensaiando. Vi, então, o diretor Henrique Farias, na última semana de ensaios, falando pro Xande: “Xande, eu quero que você incorpore o malandro da Lapa”, e eu achei isso interessante porque ele viveu realmente o malandro: pelo jeito, pelas caras, pela interpretação dele na coreografia. Achei muito legal.
Xande Valois. Dançando no Domingão do Faustão.


IS – Sair como vitorioso significou…?

XVSair vitorioso significou o quanto eu devo continuar dançando, o quanto isso vai, cada vez mais, me ajudar na minha profissão de ator e me deu essa certeza: que a dança tem que continuar presente na minha vida. (Na foto a seguir, Valois em cena do filme "Através da Sombra".)Xande Valois. Longa-metragem "Através da Sombra".


IS – Vocês visitaram a quadra da Imperatriz, escola de samba pela qual Xande irá desfilar no carnaval. Qual a emoção aí?

CM – O samba, pra nós, representa as nossas raízes, a festa cultural, aquela emoção de estar na avenida. O Xande já desfilou por duas escolas mirins, que foram a Pimpolhos da Grande Rio e a Golfinhos do Rio de Janeiro. No ano passado nós desfilamos na Inocentes de Belfort Roxo, que fez uma homenagem ao Cacá Diegues; nós saímos na Ala dos Amigos e Familiares do Cacá. Este ano, estar no desfile das escolas do grupo Especial é uma emoção que não tem como descrever, porque na hora em que a bateria começa a tocar e vem aquela multidão, aquele povo cantando, remete muito às nossas raízes, à nossa cultura. E uma emoção muito forte, é muito lindo.
Xande Valois. Na quadra da Escola de Samba Imperatriz.

Com a rainha Cris Vianna, o ator Sérgio Marone, Simone Drumond (diretora e primeiro destaque da Imperatriz)
e os amigos do elenco mirim de "Vamp": Mari Cardoso, que participou do "The Voice", e Rafa Mezadri.
 

Aqui, em nova cena e nos bastidores de "Através da Sombra".

Xande Valois e Christiane Mattos em 'Através da Sombra".


IS – Sobre o recente e intrigante longa-metragem Através da Sombra, o que vocês podem nos dizer?

CMO longa “Através da Sombra” foi uma experiência também muito incrível, de um aprendizado enorme. Na época que o longa foi filmado, o Xande tinha 9 anos e era muito pequeno, e ver o Xande tendo uma troca perfeita de sintonia com o Walther, um grande e renomado diretor de cinema, foi uma emoção também muito grande pra mim, e pra ele, então, um aprendizado sem fim. Inclusive ele, hoje, diz querer fazer faculdade de cinema futuramente. Ele pretende aprender esse lado da direção, e isso se deve muito ao fato de ter tido esse contato com o Walther Lima Jr., que foi um aprendizado, como eu já disse, ilimitado pra ele, uma coisa muito emocionante e de aprendizado que ele vai levar pra vida toda.
Christiane Mattos e Xande Valois. Através da Sombra.


IS – O Vamp vem chegando. Qual o sentimento em relação a esse musical?

CM - O Xande, primeiramente, está se sentindo muito honrado por ter sido convidado pelo diretor Jorge Fernando na época em que ele estava fazendo “Êta Mundo Bom!”, para integrar o elenco do “Vamp”. Ele já teve duas experiências com o Jorginho: na “Êta Mundo Bom!”, em que ele interpretou o Cláudio, e, anteriormente, na “Alto Astral”, em que ele fez a primeira fase dessa novela, na qual ele era o personagem do Sérgio Guizé — que era o protagonista — na infância. E também há muito aprendizado: o Jorginho é um diretor que inspira muito o Xande, eles têm uma química boa… E, agora, é aguardar essa estreia superesperada, e vai ser um grande sucesso, com certeza. 
Christiane Mattos e Xande Valois. Momento bastidores de Através da Sombra.

 

IS – Projetos futuros! Quais são?

Continue lendo

Recife — Atriz Premiada sim, senhor


Nesse dia 15, domingo, Priscila Cardoso ganhou o Prêmio de Melhor Atriz, pelo filme Sem chão, do Curso EM CENA-PE.

Trata-se de uma jovem que, muito além da beleza, tem o dom de nos impressionar quando a vemos no palco ou na tela. Disciplina e concentração, na hora de atuar, são o seu forte.

Cinema. A atriz na pele de Thaísa.


O longa-metragem, que representou a prova de conclusão do Em Cena, foi rodado na Veneza Brasileira, contando com mais bons atores do cenário pernambucano: Ítalo Lima, Emília Marques Nemu Campos. Além de Nemu, são formandos do curso, os quais também participaram do filme: Carol Braz, Jonathas David, Adriana Martins, Jaque Santos, Tatiana Vergetti, Neto NunesTato Leal, Fernando Marques, Genilda Sabino, Hamilton Torres, Adson França, entre outros.

A personagem de Cardoso é a Thaísa, de 17 anos. Sobre esta adolescente — pouco antes de dar de cara com ela na telona — Priscila externou:

Cinema. Um momento de ação do longa.


Tatá para os íntimos. Até que enfim, né, garota? Chegou o dia em que vou te conhecer melhor. Foram meses te preparando, aprendendo, errando e acertando com você. Te agradeço por tudo, amei te sentir na pele, amei viver você. Te amei! Obrigada, minha querida ‘aborrecente’!”.

Já em relação ao Prêmio como Melhor Atriz, suas palavras, bem escolhidas, foram

Cinema. Ela com o Prêmio de Melhor Atriz.


“Junto com ele veio meu Certificado, com o qual realizo o primeiro passo de meu sonho profissional. Agradeço, primeiramente, a Deus; em segundo lugar, a todos que me apoiaram e me apoiam nesse caminho, que não é nada fácil, mas, ao mesmo tempo, é gratificante demais.”

Cinema. Uma cena de emoção à flor da pele.


Gratificante demais, também, pode ser mais o quê?

Continue lendo

À galera de Santo André – SP: “Manual…” chegando…


É o Manual Prático da Mulher Desesperada, com Adriana Birolli e Alexandre Contini

Uma supercomédia que conta "as aventuras emocionais de uma jovem num sábado à noite, onde Alexandre interpreta um eventual ficante e o melhor amigo gay da personagem de Adriana". Como nos disse uma vez a atriz numa entrevista, "o espetáculo tem sabor de tutti-frutti, nele tem de tudo um pouco, é maravilhoso".

Fica a dica e o delicioso convite da própria Birolli a vocês de Santo André e aos turistas do local, para este dia 16 de outubro, vejam


Façam-se felizes, assistam a esse Manual Prático,
mulheres e homens! Assisti e recomendo.
 

Vídeo gentilmente cedido por: Alexandre Contini
 

A fanpage da atriz é

Continue lendo

Ao povo da Cidade do Paulista – PE


Série Bem Fazer  com Paulo Fernando:
não só ouvir, mas agir — a base!
 

É imprescindível que um cidadão, uma vez candidato a um cargo público, seja sintonizado com a problemática que o rodeia. Mais que isso, seja compromissado e cheio do desejo de fazer uma gestão séria — o que está bastante difícil nos dias de hoje.

Só que nem todos pensam em si próprios, há gente que pense na coletividade. Paulo Fernando, candidato a vereador pela pernambucana Cidade do Paulista, é um desses.

Antes de apontar alguém de confiança, eu pesquiso, visualizo, estudo… Por isto, uma
 

ENTREVISTA

que vale a pena acompanhar. Deixe sua reflexão nortear você em relação às colocações do candidato.
 

IS – Quais as suas ações que buscarão melhorar a questão dos artistas, dos esportistas e dos professores?

PF – Paulista, hoje, precisa ser ouvida, vamos fazer diversas audiências públicas com a população e os poderes para realizar ações em prol desses seguimentos. Eu também, se caso eleito, quero criar uma lei que faça com que o prefeito contrate os artistas da cidade em shows no município. O esporte vai ser uma das nossas bandeiras, vejo no esporte uma forma de salvar jovens das drogas e os professores terão sempre meu apoio, eu sou filho de professora e casado com uma pedagoga.
Paulo Fernando - Número 12123.


IS – Como vê o atual momento da Cidade do Paulista e qual a sua ideia de política?

PF – Atualmente, Paulista está completamente abandonada, o atual prefeito e seus 15 vereadores não fizeram nada de produtivo ao município, nossa cidade não tem uma praça de qualidade, a unidade de pediatria fechou e, nas últimas chuvas de maio, a cidade ficou uma ilha devido à falta de manutenção das galerias.
Em contato com o povo.


IS – Sempre gosto de fazer esta pergunta a um candidato. O que a população pode esperar de diferente de você em relação aos vereadores que hoje estão exercendo mandato?

PF – Inovação, coragem, transparência e muito trabalho.
 

IS – Paulo Fernando por Paulo Fernando?

PF – Eu tenho um filho de 2 anos e o medo de ele crescer e ver nossa cidade da forma que vejo hoje. Então tomei a coragem de colocar nosso nome à disposição dos paulistenses como alternativa de mudança de verdade.
Sempre atencioso à população do Paulista.


IS – Sua mensagem super do Bem à população de Paulista!

PF – Vamos dar uma oportunidade à juventude, quem tem experiência, quem tem coragem de bater de frente com o sistema atual, vamos dar um basta à corrupção e tratar nossa cidade com dignidade e carinho. Então, no próximo domingo, vote certo: Paulo, 12123. Obrigado.

Politica é mais do que cidadania. É

Continue lendo

Dedicação à Arte, à Educação, ao necessário


Tássio Rennalli.
Série Bem Fazer com Tássio Rennalli:
no início, o amparo social

 

Em relação aos artistas pernambucanos, TÁSSIO, candidato por Recife, respondeu: “Infelizmente, vivemos em uma cidade que não tem representação cultural nos escalões políticos. Quero, como vereador, representar toda essa gama cultural no parlamento.”

Já sobre a Educação, parte da resposta de RENNALLI foi: “Iremos VALORIZAR A REMUNERAÇÃO DOS PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO, pois é vergonhoso os professores precisarem levar os materiais comprados com seu próprio dinheiro porque algumas escolas não oferecem as condições mínimas para um bom andamento das aulas.”

Extremamente vergonhoso! Temos o dever de mudar isso.
 

Aqui, nossa
ENTREVISTA
com ele, que sabe o que, com garra, defenderá bem.
 

IZAN SANT – Quem é Tássio Rennalli?

TÁSSIO RENNALLI Um jovem sonhador. Mas que irá realizar o que sonha de melhor para quem confia em minhas propostas. Advogado e graduando em Economia, desde cedo dedicado a projetos sociais.
 

IS – Como você enxerga o atual momento da nossa Recife?

TR – Recife não é diferente de outras capitais pelo Brasil, também entrou na crise econômica.  Temos hoje muitos bairros que precisam da atenção do poder público, nesse momento não culpo, de forma direta, a Prefeitura do Recife. Muitas das vezes falta um elo de ligação entre a comunidade e a Prefeitura, que seria o papel do vereador.
 

IS – Como candidato a vereador, quais as suas considerações para melhorar a questão da Educação?

TR – O Recife precisa com urgência de uma educação de qualidade; infelizmente, seriam horas e horas relatando aqui quais os problemas, fica mais fácil elencar algumas das propostas que levanto para melhorar a educação do Recife. Além de valorizar a remuneração dos docentes, iremos

CRIAR UMA MATÉRIA EXCLUSIVA DE DIREITOS FUNDAMENTAIS E CIDADANIA/ORIENTAÇÃO ANTIDROGAS – É dever e direito de todo cidadão saber o que tem escrito na Constituição Federal.

PROPOR QUE OS CARGOS DE CARÁTER TÉCNICO DO PODER PÚBLICO DEVAM SER PREENCHIDOS POR CONCURSO PÚBLICO – Que a ascensão seja por mérito, combatendo desvios de função.

MAIS QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL – Propor ao Executivo que viabilize parcerias para realização de cursos de capacitação e profissionalizantes, tendo em vista o crescimento da cidade do Recife, gerando emprego e renda para os menos favorecidos.

LUTAR PARA QUE SEJA AMPLIADA AS ESCOLAS DE TEMPO INTEGRAL.
Tássio e sua alma gêmea: Raíssa. 

IS – Qual(is) a(s) sua(s) outras bandeira(s)?

TR – Penso que Saúde, Educação e Segurança são tripé basilar. Mas temos propostas para a área de infraestrutura, esporte, lazer, cultura, assistência social, idosos, crianças e direitos dos animais.


IS – Vamos falar sobre os artistas recifenses: os atores, diretores, cantores, compositores, artesãos, entre outros. Não há uma valorização pelo artista, como deveria haver, no município. E aí, onde entra o Tássio Rennalli?

TR Quero ser uma voz ativa nos interesses de TODOS esses Artistas. Sofri na pele, quando na juventude tinha uma banda alternativa, e, praticamente, pagava pra tocar e ter o trabalho divulgado nos shows.
Tássio Rennalli. Mais propostas.


IS – O que a população pode esperar de diferente de você em relação aos vereadores que hoje estão exercendo mandato?

TR – Pode esperar, acima de tudo, TRANSPARÊNCIA e HONESTIDADE, desde cedo aprendi com meus pais que o caminho da ética sempre é o melhor, e aprendi com a vida que tudo que vai, volta em dobro. Podem esperar um vereador ativo com todas as comunidades do Recife, independente de se tive ou não voto em algumas delas.
 

IS – Você faz, há muito tempo, trabalhos sociais muito bonitos, necessários: a atenção ao social é o maior deles. O que recebe como benefício pelas várias ações sociais que já vem realizando mesmo sem mandato?

TR – Carinho e sorrisos. Atuo além da esfera social, mas também na defesa jurídica de pessoas necessitadas, evitando injustiças, recebendo em troca atenção, amor e gratidão, que, por vezes, vale mais que qualquer dinheiro. Me sinto realizado quando faço isso!
Tássio Rennalli. Solidariedade faz bem à alma.


IS – Como vê a política nos dias de hoje?

Tássio e o colunista Izan Sant.TR – Suja, infelizmente. Mas com esperança de melhora. Muita gente nova e boa se candidatando.
 

IS – Qual a maior injustiça contra o ser humano, em sua opinião?

TRPrometer o que não pode cumprir.
 

IS – Uma mensagem aos eleitores indecisos, aos seus seguidores, aos que acreditam em seu trabalho de mudança para melhoria da nossa realidade… enfim, ao povo recifense?

TR – Quero pedir o voto do povo do Recife mais uma vez, porque acredito que assim como na outra eleição, fizemos uma campanha limpa, sem máculas, tendo centenas de amigos voluntários apoiando, indo às ruas, levantando nossas bandeiras, espalhando nosso projeto pelo Recife. Vejo hoje muitas candidaturas novas; algumas, novas só na disputa, porque as práticas são manchadas por ilegalidades e falta de ética, enganando as pessoas de boa fé. Pretendo ser um batalhador incansável contra esses políticos. Mas vamos fazer diferente nessa eleição, vamos votar em quem já mostrou que sabe fazer e quer mostrar trabalho. Só preciso de UMA chance. Só UMA.
 

"É. Política séria se faz assim, com

Continue lendo

Entrar

presente de artista

Bem-kete

Tem cor preferida para maio? Se tem, é...?

Ver Resultados

Carregando ... Carregando ...

msg do mês

MSG DO MÊS - Thaisi Melo

Aniversariantes

  • Alcione Mazzeo (atriz)
  • Alexandre Mandarino (ator, diretor, produtor)
  • Alexsandro Mota (advogado – Itapissuma/PE)
  • Ana Paula Gaudêncio (modelo – São Paulo/SP)
  • Andrezza Azevedo (promot./Vendas – Recife/PE)
  • Ângela Maria (cantora)
  • Bernardo S. Bezerra (fot. – Feira de Santana/BA)
  • Betty Faria (atriz)
  • Caíque Ferraz (ator – Recife)
  • Chitãozinho (cantor)
  • Clóvis Bézer (dir. presidente Bézer Produções)
  • Cristianne Fridman (novelista)
  • Ewerton Souza (func. CSI, Abreu e Lima)
  • Fabyano Nascimento (coord. pedagógico – Recife)
  • Fillipe Ramos (ator, doublê, diretor – Recife)
  • Flávio Andrade (ator e humorista – Olinda/PE)
  • Giovanna Antonelli (atriz)
  • Giselda Ouverney (func. pública – Nova Friburgo)
  • Gretchen (cantora)
  • Helena Ranaldi (atriz)
  • Henrique Tavares (ator, roteirista, diretor teatral)
  • Ingrid Zavarezzi (autora, roteirista e publicitária)
  • Ivete Sangalo (cantora e atriz)
  • Jânio José Siqueira (assist. social – Aiuruoca/SP)
  • Jhonhson Willame (técn./fotografia – Abreu e Lima)
  • José Luiz Datena (apresentador de TV)
  • José Tenório (prefeito – Itapissuma)
  • Junior Barros (profissional de Marketing – Recife)
  • Lucas Vinícius Araújo (universitário, Olinda)
  • Lucélia Santos (atriz, diretora teatral e produtora)
  • Luiza Tomé (atriz)
  • Luna Teixeira (repórter e fotógrafa – Portugal)
  • Manuella Cabral (tec. em Farmácia – Itapissuma)
  • Márcio Santana (motorista – Poços de Caldas/MG)
  • Marcos Barreto (ator – Salvador/BA)
  • Maria Fernanda Cândido (atriz)
  • Mayara Magri (atriz)
  • Neide Silva (cristã e empreendedora – Olinda)
  • Nemu Campos (ator)
  • Oscar Alejandro (ator, cantor, modelo e dançarino)
  • Robert Pattinson (ator, o Edward de “Crepúsculo”)
  • Rodrigo de Luna (jornalista e repórter – Recife)
  • Rosario Boyer (cineasta e roteirista)

Eventos

  • 03. Chico Buarque, no show “Caravanas” – 21h30 – Balcão: R$ 250, R$ 125 (meia); Plateia: R$ 490, R$ 245 (meia) – Ingressos: bilheteria do local e site Bilheteria Virtual – Teatro Guararapes, Centro de Convenções / Avenida Professor Andrade Bezerra, s/n, Salgadinho, Olinda
  • 12. Em RECIFE: Fagner – 21h – Lounge: R$ 200, R$ 120 (social), R$ 100 (meia); Mesa Premium: R$ 700; Mesa Sênior: R$ 600 – Ingressos: site Bilheteria Digital – Cabanga Iate Clube / Avenida Engenheiro José Estelita, s/n, Cabanga – Telefone: 3035-0003
  • 18. No RIO DE JANEIRO: “Champagne e Confusão”, comédia com SYLVIA BANDEIRA e ótimo elenco – De sexta a domingo – 19:30 – até dia 10 de junho, Teatro Maison de France / Avenida Presidente Antônio Carlos, 58
  • 18. Em RECIFE: Pedro Mariano, “Piano e Voz” – 21h – Balcão Nobre: R$ 60, R$ 30 (meia); Plateia Alta: R$ 100, R$ 50 (meia); Plateia Baixa: R$ 140, R$ 70 (meia) – Ingressos: bilheteria do teatro e site www.uhuu.com – Teatro RioMar / Avenida República do Líbano, 251, Pina – Informações: www.teatroriomarrecife.com.br
  • 25. Zé Ramalho – 21h – Balcão: R$ 154, R$ 77 (meia); Plateia: R$ 194, R$ 97 (meia); Plateia especial: R$ 234, R$ 117 (meia) – Ingressos: site Eventim – Teatro Guararapes

FOTO DE BEM

Edmar Graciliano - A Foto de Bem de fevereiro 2017 - Esta

Facebook

Entrevista

Arquivos

VÊ, GALERA – Clica